Funcionando em um expediente e fechada aos finais de semana, situação da delegacia de Delmiro pode piorar


Em Assembleia Agentes da Polícia Civil decidiram paralisar as atividades por 72h na próxima segunda-feira, 20.


A situação da Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) poderá ficar pior a partir desta segunda-feira, 20, é que em Assembleia realizada no auditório do Sindicato dos Bancários, agentes e escrivães da Polícia Civil de Alagoas (PC-AL) decidiram na tarde desta segunda-feira, dia 13, paralisar as atividades da categoria por 72 horas, a partir da próxima segunda-feira (20). Depois da reunião, os policiais saíram em caminhada até o Palácio República dos Palmares, no Centro da capital alagoana.

Entre outros pontos, a categoria cobra o reajuste do piso salarial, periculosidade e serviço voluntário de polícia (SVP). A decisão pela paralisação ocorreu depois que o governo de Alagoas enviou um projeto de serviço voluntário à Assembleia Legislativa,  que contempla apenas delegados e exclui agentes e escrivães da polícia.

Centenas de policiais participaram da manifestação. Durante o protesto, os agentes utilizaram faixas e cartazes demonstrando a indignação com a situação.

Desde dezembro de 2019 que a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia está funcionando somente das 8h às 13h, de terça a quinta-feira e aos finais de semana fechada.


close
ÁGUIA PROTEÇÃO VEICULAR