Três pessoas deram entradas nas unidades de saúde vítimas de infarto nesta quarta-feira, 24


Apenas uma resistiu, as outras duas morreram no Hospital Antenor Serpa e na UPA de Delmiro Gouveia.

Eva Lima e Cícero Livino - reprodução - redes sociais

Três pessoas deram entrada nas unidades de saúde de Delmiro Gouveia, nesta quarta-feira, 25, vítimas de infarto, duas delas acabaram não resistindo. A situação deixou profissionais da saúde que estavam de plantão preocupados.

Os primeiros dois casos aconteceram pelo dia. Por volta das 11h, uma senhora identificada como Eva Lima que estava sentada em um banco da Prefeitura teria passado mal e socorrido às pressas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu. Poucas horas depois, deu entrada no Hospital Antenor Serpa o cantor, compositor e radialista Cícero Livino, ele foi vítima de infarto fulminante e também não resistiu.

Pela noite, uma senhora que não teve o nome divulgado também deu entrada no Hospital Antenor Serpa, vítima de infarto. Os profissionais agiram rapidamente e conseguiram estabilizar o quadro de saúde da senhora.

O que é infarto?

Um ataque cardíaco ocorre quando o fluxo de sangue que leva ao miocárdio (músculo cardíaco) é bloqueado por um tempo prolongado, de modo que parte do músculo cardíaco seja danificado ou morra. Os médicos chamam isso de infarto do miocárdio.

Também chamado de infarto agudo do miocárdio ou ataque cardíaco, o infarto pode ser fatal. Com tratamento adequado, é possível evitar danos significativos no músculo cardíaco e isso é primordial para que o paciente possa viver muitos anos sentindo-se bem. Por isso, é crucial chamar a emergência ou correr para o hospital nos primeiros sinais do problema.