Slider Recent


Sete armas de fogo são retiradas de circulação após ações da COPES em Piranhas


Duas pessoas foram presas, elas foram identificadas como Aldemir Moura da Silva, 32, e Celso Gomes dos Santos, 54 anos.

Reprodução do Instagram/Copes-Caatinga

Sete armas de fogo foram apreendidas e duas pessoas foram presas durante ações da Companhia de Operações Policiais Especiais do Sertão (Copes-Caatinga), na tarde desta terça-feira, 2, na cidade de Piranhas, no Sertão de Alagoas. Os presos foram identificados como Aldemir Moura da Silva, 32 anos e Celso Gomes dos Santos, 54 anos.

Segundo o Capitão Miguel, comandante da polícia especializada em área de Caatinga. As apreensões e prisões aconteceram após denúncias anônimas.

Por volta das 14h, os policiais receberam informações que um homem possivelmente estava praticando violência doméstica (ameaça) com arma de fogo, os policiais foram em diligência à procura do agressor que havia se evadido do local. Os policiais fizeram buscas e o localizaram, após ser indagado sobre a arma, Aldemir Moura da Silva resolveu entregar por livre e espontânea vontade a garruncha com duas munições.

Já por volta das 16h30min, os policiais receberam uma nova denúncia. Segundo o denunciante, Celso Gomes dos Santos estaria comercializando armas de fogos. Os policiais foram até ao local citado e durante buscas encontraram seis espingardas calibre 36, além de munições e cinco canos para a fabricação de armas artesanais.

Os dois suspeitos foram conduzidos para a Delegacia Distrital de Piranhas, onde foram ouvidos pelo delegado Daniel Mayer e autuados por porte e posse ilegal de arma de fogo.