Últimas Notícias

Jovem morto na presença do advogado em Mata Grande, exibia armas e drogas em celular

Polícia Civil teve acesso a imagens, onde mostra ele com duas pistolas, um revólver, munições e drogas.


A Polícia Civil já não tem mais dúvidas que o jovem Wellington Pereira dos Santos, vulgo ‘Índio’, é responsável por diversos homicídios e outros tipos de crimes registrados nos últimos anos na cidade de Inhapi no Sertão de Alagoas.

Depois de ser assassinado com um tiro de espingarda calibre 12, na presença de seu advogado em Mata Grande. Os policiais que o investigava divulgaram fotos e vídeos, onde o rapaz aparece exibindo armas e drogas.

As armas são as dos mesmos calibres em que algumas pessoas foram assassinadas na região – Pistola .40, calibre 380 e um revólver calibre 38.

Dentre os homicídios que a polícia aponta a participação do ‘Índio’, estão a de dois irmãos Raimundo Pereira e Damião da Silva – assassinados em um intervalo de 25 dias, em 2017. Raimundo foi morto no dia 22 de novembro e Damião no dia 17 de dezembro.

Com as imagens, a polícia agora trabalha para localizar as armas e outros objetos que serão cruciais para as investigações dos últimos crimes ocorridos na região do triângulo das bermudas – Inhapi, Mata Grande e Canapi.




Sem comentários

close
Banner iklan disini