Slider Recent


João Neto não é mais gerente regional da Casal e André assume provisoriamente

Funcionário teve a exoneração publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) na última sexta-feira, 4.

João Neto - reprodução: Facebook

O gerente regional da Companhia de Saneamento de Alagoas (CASAL) da Unidade do Alto Sertão (Un-Sertão), João Neto, foi exonerado do cargo na última sexta-feira, 4, por determinação do governador Renan Filho. Com a exoneração de João Neto, quem assume provisoriamente é o Hildaberto André.

A reportagem do italotimoteo.com.br conversou com João Neto e ele confirmou que havia sido exonerado. Perguntado sobre o motivo, ele informou que não sabia explicar, pois não tinha assinado nenhuma documentação, apenas tinha sido comunicado.

Por outro lado, a reportagem apurou que a exoneração está ligada a retaliação do governador aos deputados que tiveram um encontro com Marcelo Victor para o eleger Presidente da Assembleia Legislativa de Alagoas.

Filho não oficializou abertamente o desejo de ter Olavo Calheiros, que é seu tio como presidente da Casa Tavares Bastos, mas nos bastidores isso era articulado e como João Neto é ligado a Inácio Loiola, acabou sendo alvo do governador, assim como foi a ex-prefeita de Piranhas Mellina Freitas, que era Secretária de Cultura e foi exonerada.

Outra pessoa que é ligada de Inácio Loiola e que ocupava um cargo vice-presidência de Engenharia da Casal, é Osmar Lisboa, ele também foi alvo das exonerações determinada pelo governador Renan Filho.



close
DIVINA LUZ